segunda-feira, 29 de dezembro de 2014

Fim da história

Vivemos o último período da morte da história
Os Batimentos cardíacos analógicos já são poucos
Mas menor há de ser esta era tecnológica
Esta era de torcidos ou tortos
De calados ou roucos
De explosões
Explode tic Explode tac Explode tic Explode tac
Indefesos...
Ataque!
Serenos...
Ataque!
Pobres!
AO ATAQUE
Morre a história
Morremos com ela
Faremos memória
Ou nunca fizemos parte dela

Sem comentários:

Enviar um comentário